aqui do meu farol ouço as sirenes, vejo as luzes paradas de Monsanto, recebo agradecimentos e já sinto borboletas na barriga. há muito que já não estou aqui…

a. fonseca

Advertisements